2 de dez de 2011

Municipalidade portuguesa vai exterminar cães que vivem em lixão

A região de Cachão no Nordeste Transmontano em Portugal resolveu ir na contramão da história e eliminar uma matilha de cerca de 200 cães da maneira mais violenta possível: a tiros. 

A decisão foi tomada pela Direcção Geral de Veterinária que quer acabar com os animais que vivem no aterro que recebe todo o lixo da região. Ironicamente, o aterro fica próximo ao canil municipal. 

Duas operações de captura já estão marcadas para os dias 05 e 19 de dezembro e segundo as autoridades envolverá “o abate a tiro nas situações que exigirem este recurso ... Os cadáveres serão recolhidos e incinerados.” 

Mais uma vez os animais vão pagar com a vida pela inércia das autoridades, que deveriam ter recolhido os animais muito antes do problema tomar as proporções que tomou. Eles vão deixando a coisa ficar fora de controle e quando a situação se torna
insustentável, eles simplesmente matam. 

Lembrete para as autoridades portuguesas: o problema da indigência canina se resolve com castração e punição para quem os abandona. 
 
Fonte: Correio da manhã

Postar um comentário