11 de jan de 2016

RIP DAVID BOWIE

Eu acho bacana quando o mundo se reúne virtualmente e fisicamente para celebrar um artista que representa tanta coisa boa como David Bowie, que morreu ontem de câncer. Bowie era um ícone da música, que além do seu valor intrínsico, ele usava como meio de celebrar a diferença. Bowie era andrógino antes de todo mundo e abriu caminho para uma geração de pop stars de sexualidade ambígua.

E ele era um homem de bom coração. O diretor do filme The Cove, que mostra o sofrimento dos golfinhos torturados, mortos e aprisonados em Taiji no Japão, disse que Bowie cedeu os direitos da música Heroes para o filme. Vi também que ele ajudava muitos abrigos pela Europa, embora essa informação eu não posso confirmar.

Eu cresci ouvindo Bowie e sua música e visual sempre me inspiraram. Que ele descanse em paz no cosmo. Vai fazer falta nesse mundo cada dia menos talentoso e original. 


Postar um comentário