28 de ago de 2015

Frigorífico cede últimos porcos do acidente

Essa foi uma semana especial para os direitos dos animais do Brasil, porque pela primeira vez animais vistos meramente como comida tiveram seu sofrimento retratado em rede nacional como animais de estimação às vezes conseguem.

Isso aconteceu com o suor, as lágrimas e os esforços de ativistas iluminados e empenhados em trabalhar pela abolição dos nossos irmãos não-humanos. A montanha é alta, mas nós vamos conseguir escalar.

A última matéria que eu vi fala sobre a adoção de alguns animais, os cuidados que se deve ter e também da possibilidade de os 22 porcos negociados depois do acidente não serem provenientes do caminhão que capotou. Isso provavelmente nunca vai ser esclarecido.

É preciso continuar agora apoiando a Vaquinha porque os custos são altos, mandar muita energia positiva para os animais que já sofreram demais e espalhar a mensagem do veganismo porque essa é a única forma de evitar que acidentes como esse aconteçam.

Paz e luz para todos. Ao terminar de ler esse post, por favor diga o mantra "Om" três vezes para todos os animais que sofrem em matadouros neste momento.


Postar um comentário