18 de nov de 2014

Sam Simon salva touro gay

Essa estória do touro gay na Irlanda que não foi de encontro às expectativas de seus exploradores parece que, felizmente, vai ter um final feliz (leia até o final para saber :)

Aqui no Brasil o movimento LGBT não se interessou nessa história, talvez por preconceito contra animais, deixando assim de ver as metáforas explícitas no caso, e na conexão entre todas as formas de preconceito.

Mas esse não foi o caso na Inglaterra, onde o TheGayUK montou uma campanha de financiamento da liberadade de Benjy, ou seja, o público inglês percebeu a interdisciplinaridade da situação.

Eles conseguiram arrecadar mais de nove mil libras em menos de uma semana, das quais cinco mil dólares vieram do criador vegano dos Simpsons Sam Simon. Sam está com câncer terminal e distribuindo sua fortuna com causas em que acredita, como as dos animais. 

O dinheiro vai ser usado para levar Benjy para o Hillside Animal Sanctuary em Norwich, e o dinheiro que sobrar será usado em seu sustento no santuário.

De uma certa forma o animal se rebelou da forma mais profunda, que é se recusar a ser usado como uma fonte de mais exploração de sua própria espécie. Segundo as regras da pecuária, homossexualidade é absolutamente indesejável. Esse pensamento afeta todos nós.


Que ele seja muito feliz no santuário.
Postar um comentário