18/05/2008

Semana Vegetariana Mundial: 19-25 maio

Essa semana que começa é dedicada no mundo inteiro a divulgação do vegetarianismo.

Um número cada vez maior de pessoas esta adotando uma dieta baseada em plantas pelo bem dos animais, do planeta e da saúde humana.

E por quê? Porque as condições em que os animais são criados e mortos são cruéis e barbáricas (são mais 60 bilhoes de animais de consumo em todo mundo), a indústria da carne emite mais gases que causam o efeito estufa do que todo o sistema de transporte do mundo (segundo relatório das Nações Unidas) e o consumo de carne está ligado à vários problemas de saúde, tais como doenças cardíacas, obesidade e alguns tipos de câncer.

A resignação essa semana da ministra do meio ambiente, Marina Silva, cansada de lutar contra os interesses do agronegócio, demonstra que o Brasil está mais uma vez deixando a agropecuária acabar com a natureza do país: primeiro foi no litoral, agora na Amazônia. Você pode ajudar a parar essa loucura simplesmente parando de consumir carne. Todo mundo tem que comer, então todo mundo pode colaborar.

Eu recomendo esse trecho do documentário A Carne É Fraca, produzido pelo Instituto Ana Rosa, que mostra a devastação que a indústria da carne representa para o nosso pais e o horror que ela causa para os animais.




Você pode fazer uma diferença através de sua escolha de dieta. Deixar de comer carne de todos os tipos, inclusive peixe, é provavelmente a decisão mais responsável, realista e eticamente coerente que pode ser tomada para mitigar o impacto da presença humana nesse planeta. E claro, é uma forma de demonstrar respeito aos nossos amigos não-humanos, que sentem dor, medo e prazer exatamente como nós. É preciso reconhecer as semelhanças com eles, e não as diferenças.

"Ser vegetariano é discordar: discordar do curso que as coisas tomaram hoje: fome, crueldade, desperdício, guerras - precisamos nos posicionar contra essas coisas. O vegetariasnimo é minha fonte de me posicionar." - Isaac Bashevis Singer, Nobel de Literatura, 1978
Postar um comentário