28 de mar de 2018

Santos vota contra carga viva


Os ativistas animalistas conseguiram uma Vitória esta semana em Santos. De acordo com relatos veiculados na imprensa e na página do grupo ativista Veddas, o projeto de lei que proíbe o embarque e exportação de cargas vivas pelo Porto de Santos, no litoral de São Paulo, foi aprovado em segunda discussão durante a sessão na Câmara Municipal ontem (26/3). Após a primeira discussão, foram adicionadas cinco emendas ao projeto de lei complementar.

O projeto é do vereador Benedito Furtado (PSB), que também é presidente da Frente Parlamentar Regional do Bem Estar Animal. Ele disse que após a discussão da Câmara, realizada na última sexta-feira (23), alguns vereadores e a própria população solicitaram alguns ajustes para atender as demandas da cidade.

"Além dos animais domésticos, o projeto prevê exceção para animais de uso terapêutico em projetos educativos e medicinais; à serviços das forças policiais; animais que passarão por cuidados médicos; utilizados para atividades esportivas; e destinados à preservação ambiental. Alteramos esses pontos do projeto aprovado em primeira discussão," ele explicou.

Furtado está otimista que o prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB) irã sancionar o projeto no prazo de quinze dias úteis.
Postar um comentário