6 de dez de 2013

Grupo multidisciplinar vai revisar ética de testes em animais

O tema do uso de animais em testes como cobaias é um dos mais debatidos entre cientistas e ativistas dos direitos animais. O assunto deve alcançar novo fôlego agora que um grupo multidisciplinar de acadêmicos vai produzir um documento revisando a ética dessa tradição.

O documento acadêmico é descrito como o primeiro a analisar profundamente a ética dos testes e será produzido por um grupo de trabalho composto de 18 pessoas de seis países, entre eles filósofos, eticistas, cientistas e advogados. A iniciativa é da British Union for the Abolition of Vivisection e o Oxford Centre for Animal Ethics, cujo diretor, reverendo Andrew Linzey, irá liderar o grupo.

Nos últimos trintas, tem ocorrido uma mudança paradigmática no pensamento ético sobre nosso tratamento dos animais. Enquanto no passado os animais eram considerados coisas, ferramentas, máquinas e recursos para nós, hoje os animais são cada vez mais vistos como seres senscientes com um valor inerente, dignidade e direitos,” disse Linzey em um comunicado oficial.
Postar um comentário