12 de jun de 2013

A guerra contra os elefantes

Bob Parsons, CEO da GoDaddy, que pagou para matar
um elefante
Existem 400.000 elefantes na África, mas na escala que a caça ilegal (chamada de poaching em inglês), não haverá elefantes neste mundo por muito tempo.

Essa excelente matéria do Atlantic pinta um retrato vivo e aterrorizante do que esta acontecendo com os elefantes. Os caçadores se armaram de um arsenal bélico para roubar o marfim dos animais, muitas vezes antes mesmo deles estarem mortos. Ninguém escapa: elefantas grávidas, filhotes, vale tudo para roubar deles o que eles tiveram a infelicidade de ter em seu corpo.

A demanda vem da Ásia, e no ano passado assassinou 32 mil elefantes. 32 mil! São quase 88 elefantes por dia, mais a imensurável miséria que isso deixa para trás. Órfãos, animais agonizando, guardas mortos, enfim, um verdadeiro holocausto.

Se você fala inglês leia a material e informe-se sobre o que esta acontecendo com este animal magnífico que teve a ma sorte de ser nativo de um dos lugares mais violentos do mundo e virar objeto de desejo de alguns dos povos sem a menor reverência pena natureza.

Postar um comentário