9 de fev de 2013

Curta espanhol dramatiza o sofrimento dos animais mortos por sua carne

Um curta espanhol feito em 2010 tem ganhado prêmios pela qualidade de sua dramatização do destino dos animais assassinados por sua carne.

O curta foi dirigido por Ivan Sainz-Pardo e gravado em Gijón, na Espanha, em 2010. Sua tese central é fazer a ligação emtre a vulnerabilidade dos animais com a das crianças.
Os detratores talvez acusem o filme de ser emocional. Mas qual o problema exatamente em ser emotivo? Compaixão vem da emoção, e não da razão. Emotividade e racionalidade não são mutuamente exclusivas.

Espero que esse filme seja visto por muitas pessoas. Ele merece.


Via Vista-se
Postar um comentário