30 de jan de 2012

Matança de animais continua na Ucrânia, ativistas denunciam

A promessa do governo ucraniano de parar com a matança de cães de rua como parte de uma operação de limpeza para o Euro 2012, que acontece no verão, não está sendo cumprida, segundo canal France24

Segundo os organizadores da Stop Killing Dogs , a matança continua apesar da promessa feita em novembro pelo ministro do meio ambiente de construir abrigos para os cães. Eles lançaram um vídeo que eles dizem ter sido filmado em Kiev no dia 06 de janeiro, dois meses após o anúncio do ministro. 

“A matança começou depois que a UEFA, a união de associações de futebol europeias, enviou uma carta às autoridades ucranianas reclamando do problema dos cães de rua. As autoridades poderiam ter reagido de várias formas humanas, mas escolheram exterminar os animais,” disse Alexander Hirczy, um veterinário austríaco envolvido na campanha que cobre toda a Europa, inclusive algumas cidades onde as partidas do Euro 2012 acontecerão. 

Segundo o veterinário, o governo contrata caçadores de cães profissionais que os matam de diversas formas. Às vezes eles usam agulhas ou veneno; algumas pessoas atiram neles. Eles matam cães indiscriminadamente. Não importa se eles têm lar ou não. Se estiverem na rua, é tudo o que importa. Os ativistas dizem que nas últimas semanas um falso rumor sobre uma epidemia de raiva está sendo espalhado pelo país para justificar a matança. “O que está acontecendo é uma vergonha para o futebol europeu. Como alguém pode assistir uma partida sabendo que caçadores profissionais matam esses cães por causa do esporte?”
 
Escreva para a UEFA exigindo que a organização ponha pressão no governo ucraniano para cessar a matança imediatamente e adotar medidas humanas de controle populacional de animais de rua.    

Hello: It has come to my attention that the Ukraine government is carrying out a dog extermination programme as part of a clean-up for the Euro 2012 after UEFA wrote complaining about the stray dog issue in that country. Despite a promise made in November that the killing would be stopped, fresh reports say the massacre continues (http://observers.france24.com/content/20120113-ukraine-stray-dogs-sacrificed-euro-2012-football-championship-despite-killing-ban).  

I hereby urge you to write again demanding Ukrainian authorities to deal with the problem in a humane way, that is, by building shelters and carrying out a spay and neuter campaign. UEFA has the power to put pressure on local authorities to make sure no dog is harmed by those who should be protecting them. 

Yours sincerely, 
NOME 
Brazil
Postar um comentário