8 de jan de 2012

Animais assassinados pela alma de uma pessoa

Hipocrisia e religião são duas coisas que geralmente andam juntas. Na Indonésia um ritual macabro de sacrifício de animais equaciona o número de animais mortos com o status social do morto. Ou seja, quanto mais dinheiro ele ou ela tiver, maior o número de animais assassinados. 

A crença é que os animais irão levar a alma do falecido para o paraíso. Como sempre, por trás do romantismo místico, deve haver uma indústria que perpetua essa bobagem perigosa para continuar vendendo animais para os ricos supersticiosos. 

Esse ritual noticiado pela Reuters incluiu o assassinato de 200 búfalos e 500 outros animais como porcos e galinhas, tudo isso em homenagem a uma mulher que morreu em agosto. Se existe mesmo alma, a dessa mulher deve estar penando a essa altura por tanto sangue derramado em seu nome.
Postar um comentário