24 de out de 2011

Sacrifício de animais é tortura, e não espiritualidade


Encontrei esse relato no Facebook sobre um incidente que aconteceu no Rio Grande do Sul. Torturar animais em nome de qualquer atividade, é desculpa de psicopata que se esconde atrás de ‘tradições religiosas’ para dar vazão à sua esquizofrenia.

“O galo foi encontrado por pessoas que passavam pelo local e notaram que ele estava no meio das ruas, sem possibilidade de se mover. Constataram que o animal estava com as asas e as patas quebradas e vivo. Recolheram o pobre animal e o levaram a um veterinário que enfaixou as patas. No dia seguinte procuram a delegacia de policia para relatar o ocorrido que foi registrado pelo plantão como maus-tratos aos animais. As fotos são do animal no meio das ruas Casimiro de Abreu e Dr. Augusto Duprat em Rio Grande/RS e depois já tratado, com a adotante.” 

Postar um comentário