9 de out de 2011

Programa de TV estimula participantes a matar ave

Mais um momento na TV brasileira em que a ignorância, o preconceito e a falta de imaginação predominam. Durante um episódio do programa da Ana Rickman na Rede Record, as participantes têm que capturar e matar uma galinha para almoçar, isso enquanto um narrador faz comentários banalizando o gesto. 

As moças, obviamente urbanas, ficam horrorizadas com a tarefa, mas uma deles resolve encarar. Segue uma cena de comédia pastelão até chegar o momento do assassinato da galinha. A que mata com a ajuda de um ‘homem do campo’ tenta consolar as colegas que choram e que depois têm dificuldade em lidar com a idéia de que elas vão comer uma galinha que há pouco elas haviam alimentado. 

O que o programa ignora completamente é que ninguém precisa matar para comer. Isso é apresentado como um fato, mas como muita coisa que a mídia apresenta como verdade, é uma falácia. Segundo a American Dietetic Association, uma dieta vegana cobre as necessidades nutricionais de um ser humano em qualquer estágio de sua vida. 

O que teria sido realmente educacional aqui seria se essas participantes tivessem seguido seu instinto de compaixão e feito um almoço vegano. Assim uma morte teria sido evitada, lágrimas não teriam sido derramadas e a televisão teria ficado menos violenta. 

O vídeo abaixo foi capturado pelo Grito do Bicho, que chamou a minha atenção para essa crueldade no ar.

Postar um comentário