1 de jun de 2011

Protesto contra uso de cobaias em Nova Iorque, EUA


Um grupo de defesa animal baseado no Estado de Nova Iorque, EUA, realizou no ultimo domingo uma vigília no campus da universidade de Buffalo para marcar um ‘dia de luto’ pelos animais mortos em testes de laboratório. 

A diretora do Animal Allies of Western New York, Morgan J. Dunbar, organizou o evento junto com o Stop Animal Exploitation Now, de âmbito nacional. O objetivo é realizar protestos nas principais cidades dos Estados Unidos e Canadá. 


Dunbar começou o grupo oito meses atrás para alertar a população local e escolheu a universidade porque ela tem uma instalação de testes com animais. Motoristas buzinaram em apoio durante a vigília e alguns estudantes e manifestantes carregavam um sinal dizendo: Animais não são instrumentos de laboratório. 

“A maioria das pessoas nem sabe que a universidade realiza testes com animais”, Dunbar disse. “Todos os dias, os animais nesses laboratórios estão lá, sofrendo.” A universidade tentou se defender dizendo que os testes atendem os critérios mínimos de bem estar estabelecidos pelo governo. Mas Dunbar rebateu que isso é irrelevante já que os testes são invasivos por natureza. 

O fundador do Stop Animal Exploitation Now, Michael Budkie, disse em uma nota à imprensa que registros internos e informações vazadas demonstram que os animais são privados de água e comida, sofrem várias cirurgias invasivas, além de várias leis federais terem sido descumpridas. “Nosso objetivo com o evento é lembrar as pessoas da questão.” O evento se desenrolou pacificamente. 

Com informações do Buffalo News.
Postar um comentário