26 de jun de 2011

Agropecuária: fazendo as contas


Em 2009 quase 63 bilhões de animais criados para carne, leite e ovos foram mortos em todo o mundo. As populações ao redor do mundo estão aumentando seu consumo de carne e os números são alarmantes. 


Nos Estados Unidos, por exemplo, a média por pessoa é de 2,227 animais durante toda a sua vida, de acordo com as tendências atuais e expectativas de vida. Na China, onde o consumo dea animais era considerado um luxo para ocasiões especiais, os números estão aumentando também. Hoje, o chinês e o americano consomem em média um total de 24.700 ovos durante suas vidas. 

Os números que sustentam tal consumo também são consideráveis. Da produção total de cereais, os humanos consomem 46% e os animais 35%. O total de água necessária tanto para beber e produção de comida também é outro fator importante. Apenas para água potável, estima-se que a população de animais em fazendas necessite de cerca de 16 quilômetros cúbicos de água por ano. Em termos de eliminações, esses animais são responsáveis por cerca de 51% das emissões de gás estufa. 

Esses números chamaram a atenção de um executivo do World Bank que escreveu em um blog recente que enquanto a maioria das soluções para o aquecimento global são politicamente polêmicas, difíceis de implementar e requerem anos para isso, algumas das soluções mais eficientes simplesmente envolvem mudanças de estilo de vida, tais como a redução [melhor ainda, eliminação] de produtos animais. 
  
Fonte: Brighter Green
Postar um comentário