23 de abr de 2011

Policiais chutam cadela grávida abandonada em rua do Chile


Alunos universitários que passavam pelo local, no último dia 18, testemunharam junto a outros transeuntes, policiais agindo contra um cadela, em Santiago do Chile. Segundo a estudante Marianela Gonzalez, ela tentou intervir, mas foi insultada e ameaçada pelos agressores, principalmente depois de perceberem que haviam sido fotografados. 

Os policiais bateram e chutaram a cadela abandonada SRD, que na ocasião estava grávida, depois de ela ter latido e assustado um dos cavalos da cavalaria da polícia, fazendo cair o policial que estava montado. 


A cadela foi levada por um grupo ambientalista para ser atendida e passar por tratamento. Segundo a instituição Animanaturalis do Chile, as investigações serão levadas a cabo a fim de punir os responsáveis. 

“Este fato é totalmente reprovável. Não pode ser que um funcionário de uma instituição que zela pela segurança e a ordem esteja cometendo atos dessa natureza. É importante que se leve a cabo uma investigação, pois este fato não pode passar impune”, disse o Diretor da instituição Ricardo Cirio.

Tratamento 

Pola, a cadela resgatada, ficou com ferimentos e marcas dos golpes que levou dos policiais. Pola espera 8 filhotes que estão com bom estado de saúde, segundo exames feito na clínica veterinária, onde ficará até dar à luz. 

Depois de ter os filhotes, a mamãe será castrada e encaminhada para adoção junto com seus filhotes, quando atingirem idade apropriada. A instituição pede doações de materiais, alimento e importe em dinheiro para custear os gastos com o tratamento e cuidados com Pola e seus filhotes. 



Para ajudar Pola, basta escrever para ayuda.pola@gmail.com.

Fonte: ANDA
Postar um comentário