5 de dez de 2010

Retiro no Caparaó

Há pouco tempo eu passei um fim de semana nas montanhas do Caparaó, entre Espírito Santo e Minas. Foi um retiro de ioga em um lugar completamente cercado pela natureza e, devido a uma frente fria, com temperaturas muito baixas durante a noite (chegou a 5C!).

Como adorador da natureza que sou, eu aproveitei cada minuto de caminhada, cada mergulho nas águas gélidas da cachoeira e a comida vegana feita com ingredientes locais. Fizemos também uma oficina de como fazer leite de soja, tofu e coalhada, cujas receitas estão compartilhadas abaixo. A soja, orgânica principalmente, é um alimento poderoso que pode ser o braço direito do vegano.

Aprendemos também receitas de temperos e sal com ervas, que valorizam o alimento e diminuem o consumo de sal, geralmente excessivo em nossa cultura.



1 – SAL VERDE
Ingredientes
Sal grosso – 1 pote
25 a 30% de ervas medicinais (ou até 60 % fica melhor ainda = o sal ficará bem sutil)
- manjericão, alecrim e sálvia
- coentro e orégano – 2 ervas Yin

Explicação sobre as ervas medicinais
Manjericão – expectorante, anti-depressivo, ansiolítico, anti-stress, anti-fúngico
Sálvia – descongestionante, boa para circulação, relaxante, erva do feminino, repositor hormonal
Coentro – desintoxicador do sistema circulatório, pode comprar seco na feira orgânica
Orégano – anti-oxidante, rejuvenescedor celular

Para desidratar as ervas medicinais
Colher, amarrar, pendurar (cobrindo com um pano branco seco para evitar de pegar poeira).
Após seco, soltar dos galhos e colocar no papel de pão. Anotar o nome da erva e a data da armazenagem. (Dura até 1 ano em lugar arejado e sem umidade.). Depois é só bater no liquidificador.

Modo de fazer o sal verde
Bater tudo no liquidificador. Peneirar utilizando uma peneira fina.
Armazenar em vidro bem seco. O restinho que ficar na peneira pode ser usado em banho de sal, ou então em cozidos (ex. feijão).


2 – PROCESSAMENTO NATURAL DA SOJA
Soja – proteína, reposição hormonal
Ver livro A revolução da colher

Indicações da soja :
Tem mais proteínas que o peixe
Aminoácidos essenciais
A soja processada não forma a glicose (amido), é boa até para diabéticos.
O leite de soja conserva de 24 a 48 hs na geladeira.
Propriedades terapêuticas, auxílio na formação dos ossos (cálcio), estrogênio.
Se consumir 3x semana a soja – já está muito bom.
Longevidade
Propriedades anti-cancerígenas e anti-viral, regulariza a pressão arterial.
Facilita a digestão, pois é fibrosa.

Modo de processar a soja:
Deixar a soja em grãos, de molho por 8 hs.
Esfregar com as mãos (isto já vai fazendo bem para os hormônios, estrogênio) para separar as 2 bandas dos grãos, e para separar as cascas.
Escorrer a água, tirando junto as cascas (pois é densa, tóxica e fermenta), vão para o lixo orgânico.
Colocar os grãos com água filtrada no liquidificador e bater bem.
Coar numa peneira tendo por cima um vual (tecido), e fazer a “ordenha” da soja.
Separar o sumo – que é a ocara da soja (para depois fazer pães, hariburger , etc.).
Após peneirar, colocar para ferver. Retirar a espuma e jogar fora, pois ela é devido a algumas casquinhas que sobraram e fermentam.
Está pronto o leite de soja.

OBS : Para fazer 1 litro de leite de soja, usar 300 gr de soja.
OBS : Da mesma forma podemos fazer a ocara do amendoim (com a casca dele incluída). O amendoim pode ficar de ½ hora a 2 horas de molho.


3 – TOFU (queijo de soja)
Com o leite fervido da soja faremos o tofu.
Para cada litro do leite, jogar o sumo de 3 limões espremidos para talhar o leite.
Deixar ferver. A pasta de cima vira a ricota (preparar à parte).
Para fazer o tofu, deixar ferver mais, acrescentar o sal verde ainda na fervura.
Após ferver bastante o leite talhado, coar o tofu no vual e torcer como um torniquete.
O líquido restante é para usar num banho repositor energético.
Tirar o sumo – é o queijo tofu.

4 – RICOTA DE SOJA
Usando o nirah – substituto natural do alho.

Após talhar o leite de soja (vide acima), retirar a ricota, esperar esfriar.
Coar no vual e peneira. Torcer com o torniquete.
O sumo dentro do vual é a ricota. Amassar com a colher.
Acrescentar azeite extra-virgem e o nirah picadinho, que nem cebolinha.
Pode ainda acrescentar outros temperos verdes (salsinha, etc.)
Esta ricota dura até 24 hs na geladeira.

“No seu corpo , quando você começa a inserir o que deve, o seu organismo começa a rejeitar o que não deve”.

5 – BIFE DE PROTEÍNA DA SOJA (utilizando a soja texturizada, sem o processo natural da soja)
Deixar a proteína de soja fina (texturizada ) de molho por 2 hs (água morna e filtrada).
Espremer a água e temperar com sal, açafrão, salsa, cebolinha, alho ou cebola, tudo picadinho.
Acrescentar farinha de trigo integral ou branca, para dar liga. Formar os bifes e assá-los por 20 minutos.
Virar para dourar os dois lados.

6 – USO DO ALHO
Descascar cada dente e parti-lo ao meio.
Tirar o broto (jogar fora, pois é o princípio ativo, que é muito antibiótico e não deve ser tomado em excesso).

7 – QUIBE ASSADO
Triguilho – colocar de molho e escorrer.
Colocar um pouquinho da proteína da soja texturizada de molho.
Dourar a cebola branca, depois açafrão, hortelão, nirah, sal a gosto, salsinha e cebolinha.
Misturar na panela o triguilho e a proteína, e azeite, mexendo bem.
Colocar no tabuleiro, enfeitando com pedaços de tomate seco por cima, e também azeite.
Assar e saborear.
OBS : Pode colocar queijo como recheio da massa.

8 – CALDO DE MANDIOCA
Refogar o alho, cebola e tomate
Cozinhar a mandioca com sal e bater no liquidificador.
Jogar o caldo no refogado.
Jogar por cima : tempero verde picadinho.

9 - TEMPERO PARA SALADA
Limão, azeite, água, nirah (alho natural) e sal verde.

10 – BOLO DE AMENDOIM
½ k amendoim (ocara)
1 k farinha de trigo comum com fermento
2 x açúcar mascavo
1 x de trigo integral
Água

11 – PÃO DE SOJA (rende +- 4 pães)
1 k trigo comum sem fermento
1 k trigo integral
250 gr linhaça de molho
Água morna
1 pacote fermento fleshman

Modo de fazer :
Misturar as 2 farinhas e o fermento, mexendo bem.
Misturar a linhaça.
Acrescentar a ocara da soja (+- 250 gr de ocara de soja).
Misturar a água morna.
Misturar bem a massa até ficar homogênea. Sovar. Abrir com um pouco de óleo de girassol ou milho. Acrescentar uma pitda de sal verde.
Enformar e deixar crescer os pães.
Assar e saborear.

12 - PÃO INTEGRAL (rende +- 4 pães)
1 k trigo comum sem fermento
1 k trigo integral
Água morna
1 pacote fermento fleshman
Sal e óleo ao abrir a massa e sovar.

Fazer do mesmo jeito que o pão de soja.

13 – TORTA SALGADA DE OCARA DA SOJA
250 ocara da soja
½ farinha de trigo integral
300 gr de farinha de trigo comum com fermento
Opções = linhaça e castanhas

Modo de fazer :
Misturar a ocara da soja com os 2 trigos.
Colocar os temperos : salsa e cebolinha.
Pode usar como verdes : rúcula, almeirão, agrião ou espinafre.
Acrescentar azeite extra-virgem, sal verde, açafrão, páprica.
Colocar água no ponto para dar liga.
Assar.
Depois de assada, pode colocar por cima fatias de mussarela e orégano.

Compartilhe essa postagem
Postar um comentário