7 de dez de 2010

Câmara de Piracicaba acata veto a projeto contra sacrifício de animais

A Câmara Municipal de Piracicaba (SP) acatou o veto do prefeito Barjas Negri sobre o Projeto de Lei 202/2010, que proibia sacrifício de animais em rituais religiosos. Depois de quatro horas de discussão, religiosos do Candomblé e da Umbanda venceram a queda de braço com os defensores de animais. E a jornada foi longa. Desde as 19h30 da noite de ontem, até mais 00h30, cerca de 100 pessoas – com pequena maioria dos religiosos – se reuniram em frente ao prédio do Legislativo, na rua José Alferes Caetano, para pressionar os vereadores. Ao final, a votação foi 7 a 5 contra o veto ao projeto de lei, mas, por questões regimentais, era necessário no mínimo nove votos para derrubá-lo. (Fascismo religioso +)





Compartilhe essa postagem
Postar um comentário