30 de set de 2010

Estudantes capixabas resgatam cão agredido

Repassando ...


Universitários do curso de agronomia do campus de Alegre da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), junto com moradores da região, resgataram no dia 23 de setembro um cão que havia sido queimado com ácido.

Segundo relatos dos alunos, o animal estava muito debilitado e mal conseguia andar e deitar, mas com a ajuda de alguns alunos de outros cursos, ele foi sedado e levado a uma república feminina para receber mais cuidados.

O cão teve 70% do corpo coberto com queimaduras de terceiro grau, e vem sobrevivendo com pequenas doações e trabalho árduo de alguns alunos.

Eles dizem que receberam ameaças de que se os cães continuassem na rua, haveria mais feridos.

Medidas

O Núcleo de Proteção aos Animais, que funciona sob a supervisão da Delegacia de Meio-Ambiente, orienta que qualquer cidadão que presencie maus tratos a animais procure uma delegacia na região e registre um boletim de ocorrência para que o fato seja investigado e que as devidas providências sejam tomadas.

As denúncias de maus tratos a animais no Estado do Espírito Santo podem ser feitas em qualquer Delegacia da Polícia Civil, diretamente na Delegacia de Meio Ambiente/Núcleo de Proteção aos Animais, por meio do telefone (27) 3236-8136, ou pelo Disque-Denúncia do Estado, por meio do 181.


Compartilhe essa postagem
Postar um comentário