28 de abr de 2010

Estilista americano diz que não vai mais usar couro

Foto: Tim Groen

Hoje eu tive uma surpresa boa no meu Facebook. Um dos meus “amigos”, o estilista americano John Bartlett, compartilhou um link para uma entrevista que ele concedeu ao jornalista e fotógrafo Tim Groen. Nessa entrevista, John falou muito de defesa animal, do horror que é o uso de peles, de sua transição para o vegetarianismo e que a partir de sua nova coleção não usará mais couro.

Eu tenho acompanhado há um tempo as postagens de John e tenho notado um crescente envolvimento e amadurecimento em relação à causa animal. Ele inclusive usa sua loja em Nova Iorque para promover feiras de adoções de cães. Adepto da ioga, tem sido bacana para mim testemunhar pela internet a trajetória ética de um profissional bem sucedido e muito sofisticado abraçando da forma mais completa o respeito pelos animais e pelo meio ambiente.

Estou torcendo por ele e espero que muitos sigam seu exemplo.

Trecho traduzido da entrevista:
Como sua postura pró-ativa sobre crueldade contra animais afeta sua coleção?
Na verdade é cada vez mais afetada por ela, e chegou ao ponto que eu decidi que eu não vou mais trabalhar com couro ... Existem todas essas coisas que estão emergindo para mim, como vegetarianismo e crueldade contra animais, em parte por causa da ioga. E eu quero uma real clareza sobre isso em minha vida de modo que eu posso falar sobre isso sem ser hipócrita. Isso quer dizer que eu tenho que descobrir opções de tecido ou materiais sintéticos para os sapatos na passarela e que eu talvez não possa trabalhar com empresas com as quais eu trabalhei no passado. Eu sei que vai ser um desafio. Eu sei que quando eu fizer a mudança, muitos tentarão criticar e desconstruir o que eu estou fazendo – mas eu acho que tudo ajuda.

Compartilhe essa postagem
Postar um comentário