25 de mar de 2010

ONG canadense pede desculpas por usar galinhas em protesto

Mais uma vez a mobilização rápida de ativistas mostra resultado. Ao saber por uma notícia no jornal Vancouver Sun que a ONG ambientalista Dogwood Initiative, baseada em British Columbia (Canadá), usou galinhas em um protesto contra questões de uso de terra, a ONG canadense de direitos animais Liberation British Columbia entrou em contato com a ONG americana United Poultry Concerns, cujo foco é aves, para iniciar um protesto.

Emails circularam e os ativistas inundaram a caixa de email da Dogwood Initiative e a caixa de comentários da matéria de jornal.

Seis galinhas foram soltas no escritório da ministra regional da saúde e esportes Ida Chong em protesto contra o seu silêncio a respeito de uma decisão do governo de permitir que terra privada seja removida de fazendas de árvores sem compensação. A palavra galinha em inglês é usada como sinônimo de covarde.

Como conseqüência dos protestos e da má repercussão da ação, a Dogwood Initiative publicou um pedido de desculpas em seu website e disse que as aves estão com o centro de controle de animais na capital Victoria e que serão postas para adoção em um “lar humanitário”.



Compartilhe essa postagem

Postar um comentário