11 de fev de 2010

Morte de aristocrata italiano durante caça mostra como a violência assombra os violentos

O Guardian de Londres essa semana relatou que um aristocrata italiano chamado Giuseppe Orlando morreu durante uma caçada. Na Itália infelizmente caças são comuns e esses bárbaros que chamam ‘matar’ de esporte tem direito legal de matar na propriedade alheia. Mas de vez em quando o tiro sai, literalmente, pela culatra.

É bom saber que alguém morreu dessa forma? Não. Mas Giuseppe Orlando atraiu para ele a violência que ele promovia. Quantos animais não morreram por suas armas? Incontáveis. Até quando esse massacre vai continuar? Na Europa os ditos ‘nobres’ fazem da caça um ritual de socialização e afirmação de seu status de privilégio, o que é um afronto aos animais e os humanos explorados por essa classe ociosa e arrogante.



Compartilhe essa postagem

Postar um comentário