29 de jan de 2010

Campanha para o cancelamento de sacrifícios de animais não-humanos na Copa da África do Sul

Uma jornalista de Pretória na África do Sul, responsável pelo blog The Word Wright, iniciou uma campanha para evitar que se façam sacrifícios de animais não-humanos na Copa da África do Sul. Líderes tradicionais sul africanos tem sugerido a execução de sacrifícios animais nos estádios onde os jogos vão acontecer em junho de 2010 para ‘abençoar’ os jogos, como foi noticiado pela Reuters em outubro.

O plano é executar vacas de maneira barbárica, como todo assassinato inevitavelmente é. Como sempre, usa-se a desculpa da tradição para justificar a psicose de algumas pessoas que enxergam no derramamento de sangue uma forma de catarse. Ou uma forma de espetáculo macabro vendido como ‘folclore’ e autenticidade para estrangeiros facilmente impressionados por clichês ‘exóticos’.

Uma petição lançada na rede Care2 já atraiu milhares de assinaturas. O objetivo é atingir 10 mil assinaturas antes de entregar a petição para o comitê da Fifa pedindo que ela rejeite a sugestão de sacrifícios. Além disso, é importante se contactar os patrocinadores do evento para condenar o sacrifício de animais e lembrá-los que, se isso acontecer, eles estarão efetivamente patrocinando esse derramamento de sangue. Uma outra estratégia é contactar a Embaixada da África do Sul no Brasil para condenar esse barbarismo.


Patrocinadores da copa:
• Budweiser
• Continental
• MTN
• McDonalds
• Satyam
• Castrol

Parceiros da FIFA:
• Adidas
• Coca Cola
• Sony
• Hyandai
• Visa
• Emirates

Parceiros da FIFA na África do Sul:
• BP
• Neoafrica
• Telkom
• FNB
• Prasa



Para se ter uma idéia de como esses sacrifícios são feitos, Animal Alerts publicou um video que sugere como esses rituais provavelmente são executados. O vídeo contém imagens gráficas de crueldade e pode ser visto aqui.




Compartilhe essa postagem

Postar um comentário